Higiene Oral do Idoso



17 de Maio – 10h00-13h00
Destinatários - Público em geral
Investimento – 20€

A perda dos elementos dentários é resultante de diferentes fatores biológicos, comportamentais e psicossociais. O edentulismo (falta de dentes) é aceite pela sociedade como consequência natural do envelhecimento.
A utilização de próteses na reabilitação oral devolve aos pacientes, além das capacidades mastigatória e fonética, a estética e a sua autoestima, promovendo a interação social.
Durante o tratamento protético e após a colocação das próteses, é de suma importância que o paciente seja motivado e orientado na manutenção dos seus dentes e/ou próteses, garantindo assim o sucesso do tratamento de reabilitação.
É relevante conhecer as limitações dos pacientes para que possam ser dadas as orientações de forma adequada. Se o paciente não tiver capacidade de realizar sozinho as manobras necessárias para a perfeita higienização dos seus dentes e/ou próteses, pode solicitar o auxílio de um cuidador, pelo que se reveste de extrema importância que estes saibam fazê-lo de forma adequada.

Conteúdos gerais
    - Terminologia dentária;
    - Causas de desdentação;
    - Próteses dentárias: definição e tipos de próteses;
    - O idoso na medicina dentária;
    - O idoso e a higiene oral;
    - Metodo de higienização das próteses;
    - Manutenção e acondicionamento das próteses;

Nome completo
Idade
Morada
Código Postal
-
Localidade
Contacto telefónico
Email
NIF (para emissão de fatura)
Habilitações
Situação profissional
Como obteve conhecimento deste workshop?
* Autorizo que os meus dados sejam utilizados para envio de publicidade da QUALIFORMA®.